O meu sonho

Você está aqui:
TODOS
O meu sonho



O meu sonho

“Sou da Paraíba, João Pessoa. Tenho 48 anos. É o seguinte, eu separei da minha esposa no começo do ano, agora eu passei por albergue também aqui na Barra Funda, já fui morador de rua 4 meses, agora ‘tô’ numa ocupação, graças a Deus ‘tá’ melhor que na rua. A diferença é pouca, pelo menos tenho um barraquinho, sei que ‘tô’ protegido da chuva, do frio. Na rua é muito triste no alento, é triste. Pelo menos no barraquinho a gente ‘tá’ escondidinho, graças a Deus tentando a vida. Eu trabalho de copeiro na churrascaria, mas agora ‘tá’ difícil o emprego, ‘tô’ lutando, correndo.

Meu grande sonho é arrumar um emprego, uma esposa, não deu certo com a primeira mas tem que tentar a segunda. Mas primeiro um emprego e um teto. Mas é difícil sabe, quando você fala que mora na rua as pessoas ficam com medo. Além disso tem o preconceito com nordestino, né ?

A maioria das pessoas de rua é tudo nordestino, sofredor, tudo lutador. Cada um tem uma história pra contar, encosta perto de um, é um motivo, alguma coisa foi… ninguém separa da família sem motivo, ninguém vai pra rua sem motivo. É triste mas ninguém pode mais que Deus.”

Tags: Adulto, Daniel Arroyo, Em pé, Individual, morador de rua, PROAC, Rosto, Rua, São Paulo, São Paulo (Cidade), Sudeste

Informações

Cidade
São Paulo – SP
Data
Abril 2017
Fotógrafo
Daniel Arroyo
Compartilhe com seus amigos!