O pai e a vida

Você está aqui:
TODOS
O pai e a vida



O pai e a vida

‘Nossa, sempre fui sofrido. Olha só, meu pai me roubou da minha mãe quando eu tinha dois anos. Ele acabou sendo um bom pai para mim, mesmo eu sendo super peralta ! Eu fazia todo tipo de bagunça, cuspia na cara dos outros, eu era o ‘bonitinho’. Ai a vida ensina né. Com 10 anos meu pai sofreu um acidente e eu fui morar com minhas tias achando que ia continuar tudo normal. Até que um dia eu tava lá com meu copo de Toddy e fui ligar a televisão com o dedo do pé. Moça, só senti um tapão na orelha e minha tia falando que agora as coisas seriam diferentes. Que agora meu pai não estava mais ali. Infelizmente meu pai morreu logo depois e fiquei sentindo que não tinha mais ninguém para me defender. Me jogavam que nem peteca, de um lado para o outro. Com 15 anos via todos meus primos comprando carros, motos, uns pano e eu nada. Foi quando comecei a pensar em usar drogas . Acabei experimentado maconha e farinha, mas sou forte e não gostei. Só coisa triste na minha vida viu moça. Eu brigo com Deus até mas horas, ele sabe que eu sou honesto , mas quando me dou mal desconto tudo nele !’

Tags: Adulto, Campinas, Erica Dezonne, Homem, Individual, morador de rua, São Paulo, Sudeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Informações

Cidade
Campinas -SP
Data
Junho 2015
Fotógrafo
Tomás Cajueiro
Compartilhe com seus amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *