Araçatuba

Você está aqui:
TODOS
Plantando esperança 02out

Plantando esperança

“Estou na luta pela terra fazem alguns anos. Eu ‘tô’ aqui nesse acampamento há 3 anos. Sabe o que plantamos aqui? A gente planta esperança. Esperança de sair uma terrinha pra gente plantar mais coisas, tocar nossa vida.”

Mundo da cana 02out

Mundo da cana

“Tenho 35 anos, meu nome é Alex Aparecido Francisco. Antigamente eu trabalhava de auxiliar de servente, por 8 anos trabalhei em obras. Depois trabalhei em outra empresa mais 13 e agora ‘tô’ aqui na cana fazem 2 anos. Trabalho no bombeiro com caminhão pipa, aqui a gente tem a função de emitir nota pra empresa,
...continue lendo

Ela e ele 02out

Ela e ele

“A arte nos uniu, a música dele, as artes visuais minhas. Acho que essa sensibilidade que acabou nos unindo, apesar de linguagens diferentes. A sensibilidade de enxergar o mundo, ele através da música, eu através dos desenhos, das cores. A gente acabou unindo uma coisa à outra e fizemos a Clara.” (Ela) “Realmente, a arte
...continue lendo

Mais pessoas 02out

Mais pessoas

“Keita Souza Matos, tenho 32 anos. Trabalho como engraxate fazem uns 2 anos, mais ou menos. Sabe o que tem de bom? Conhecer as pessoas, encontrar todo tipo de pessoas.”

Família nos cavalos 28set

Família nos cavalos

“Meu nome é Marcelo Vieira Roldan, tenho 43 anos, trabalho há 20 anos com cavalo. Hoje eu sou ferrador, eu ferro cavalo porquê eu gosto. Já venho de uma família que tem relação com os cavalos. Meu pai era treinador de cavalo de corrida, eu ajudava ele desde os 7 anos de idade. Minha família
...continue lendo

Ser feliz 04set

Ser feliz

“Meu nome é João Henrique de Souza, sou do Estado de São Paulo, vim pro interior com 25 anos e chegando aqui eu fui trabalhar de cortador de cana. Logo de cara já achei emprego, mas porque eu aceitava o que aparecesse: bombeador de boi, fiz uns serviços como pedreiro, encanador, eletricista. Uma hora decidi
...continue lendo

Nossa terra 02set

Nossa terra

“Sou José Militão, 74 a lutador do MST. A parte melhor de viver aqui é que aqui é todo mundo irmão, o que acontece com um acontece com todo mundo. Tem outra coisa, aqui nós todos gosta daqui, a nossa patroa é a melhor que tem. Não é puxando o saco, é a realidade, o
...continue lendo

Contadora de Histórias 31ago

Contadora de Histórias

“Sou Tânia Aparecida Antunes, né, mas eu acabei por conhecer um encontro de aldeias indígenas e aí conheci uma índia e ela acabou me presenteando com o próprio nome dela que é Katuapó. Resolvi adotar porquê eu já adorava a ideia de ter um nome artístico e agora resolvi adotar Tânia Katuapó Antunes. Acho que
...continue lendo

Meu grande sonho 29ago

Meu grande sonho

“Valdecir Bastos, nasci em Ribeirão Preto, nasci dia 23 de maio de 1954. Hoje meu grande objetivo é ter um pedacinho de terra pra plantar, colher, ter o sustento e o pão de cada dia. Nós merece, cada um de nós.”

Cidade despreparada 25ago

Cidade despreparada

“Meu nome completo é Benedito Honorato dos Santos Filho, eu nasci em São Paulo, atualmente moro em Araçatuba. Ser cadeirante aqui é terrível, você vê a calçada e ao mesmo tempo que ‘tá’ retinha já tem uma rampa. Então é perigoso, ninguém respeita os cadeirantes, ninguém pensa em quem vai passar na rua, só pensam
...continue lendo

Patrimônio da Cidade 25ago

Patrimônio da Cidade

“Atualmente estamos voltados ao patrimônio histórico do município, fazer o trabalho de reconstrução, restauração.” “É bastante gratificante porquê você trabalha com a história da cidade, então é todo um valor histórico que você tem que trabalhar pra ser valorizado pela população e aprender com isso, preservação, valor histórico.” “Já eu sou nova na cultura. ‘Tá’
...continue lendo

Minha Araçatuba 20ago

Minha Araçatuba

“Meu nome é Leonardo Matheus Balsalubre Barbosa Sales, tenho 21 anos, sou nascido aqui mesmo, eu sou estudante de jornalismo, ‘tô’ no último ano e sou uma pessoa que sou amante de Araçatuba. Agradeço a Deus por ter nascido aqui, é um sentimento de paixão pela cidade que eu moro, é uma coisa muito legal
...continue lendo

Minha cidade 13ago

Minha cidade

“Sou nascido dia doze de fevereiro de mil novecentos e cinquenta e um. Isso foi a 66 anos ! Nasci e cresci aqui na minha amanda Araçatuba. Minha terra é essa. Nasci aqui, me criei aqui e já viajei com muita boiada aqui. Tenho um orgulho enorme aqui da minha terra. Acho que o motivo
...continue lendo

Aprender no trabalho 12ago

Aprender no trabalho

“Meu nome é Rodrigo, tenho 22 anos, eu trabalho aqui faz 1 ano e meio, mas comecei a trabalhar eu tinha 17 anos. Não tive opção. Eu gosto de fazer isso: eu planto, eu colho, e aqui a gente prepara o alface pra ir pro mercado. Vim pra cá pela necessidade mesmo, eu ‘tava’ procurando
...continue lendo

Multiprofissional 11ago

Multiprofissional

“Meu nome é Márcio José Calsari dos Santos, sou cirurgião dentista, especialista em odonto pediatria, com mestrado e doutorado na área, com extensão também a pessoas com deficiência. sou profissional do centro de assistência odontológica a pessoas com deficiência há 20 anos concursado, cheguei como estagiário, fiquei 1 ano também como voluntário antes do concurso. meu trabalho aqui começou
...continue lendo

Terra pros filhos 22jul

Terra pros filhos

“Sou Luzia de Souza Barros, tenho 61 anos e estou aqui nesse acampamento fazem 3 anos. O que me trouxe foi que a gente pretende ter um lote pra gente, pra gente trabalhar, desfrutar, porquê hoje as coisas na cidade não estão fáceis não. Então é melhor a gente ter o que plantar, colher.  Não
...continue lendo

Arte de viver 19jul

Arte de viver

“Sou Maria Cândido Santos Russo, esposa de artista e mãe de artista, então já viu, né? O mundo da arte sempre fez parte da  minha vida. A arte é incrível, ela muda a gente, a personalidade muda rapidinho, de uma hora pra outra. Porquê todo artista ele é meio, digamos assim, difícil de conviver. Eles
...continue lendo

Voltar pra casa 15jul

Voltar pra casa

“De menino eu morei no sítio mas quando cresci eu fiquei um tempo na cidade. Depois que aposentei não tive dúvida: voltei pro lugar de onde vem a minha família. Gosto de ficar aqui, aqui é outro ar, aqui é mais fresco. Devo falar que eu não sinto falta de praticamente nada de lá. Eu
...continue lendo

Beija Flor 13jul

Beija Flor

“Maria Elidia da Silva, tenho 53 anos. Meu apelido, nome artístico, é Beija-Flor, porquê eu fiz capoeira aos 32 anos de idade, e aí foi meu nome de batismo. Quem me deu esse apelido foi o mestre Nenel, que é filho do mestre Bimba, que trouxe a capoeira regional para o mundo. Além do apelido
...continue lendo

Sala e hortelã 09jul

Sala e hortelã

“Meu nome é Sandra Maria Pedrassol e tenho 43 anos. Meu serviço é colher hortelã e embalar. Mas quando acaba o hortelã, eu venho pra salsa, cheiro-verde, essas coisas. Já fui baba, doméstica e várias outras coisas na cidade. Mas disso tudo o que eu prefiro mesmo é trabalhar aqui. Aqui eu moro perto, ganho bem
...continue lendo