Corpo Inteiro

Você está aqui:
TODOS
Futebol Paraisópolis 25set

Futebol Paraisópolis

“Bruno Melo da Silva, 30 anos. Eu nasci aqui em São Paulo, Paraisópolis mesmo. Minha infância, pra ser bem sincero mesmo, era a época mais gostosa, não tinha toda essa tecnologia, meus pais eram caseiros aqui da escola, a gente vivia lá jogando bola o dia inteiro, fazendo arte pela escola, andando pelos telhados. Aqui
...continue lendo

Nossa Senhora 23set

Nossa Senhora

“Sou Aldenira, eu tenho 53 anos, moro aqui em Presidente Prudente, sinto muita emoção quando venho nessa festa, é muita fé, uma bênção. Não dá pra explicar, é muita coisa boa. já participo da festa há 14 anos, eu venho desde que começou A gente sempre arruma um tempinho pra Nossa Senhora, não tem trabalho
...continue lendo

Experiências da vida 21set

Experiências da vida

“Vivi uma experiência curiosa com fotografia esses tempos atrás. Eu ‘tava’ andando na 13 de Maio em Campinas e daí chegou em mim um fotógrafo e perguntou se podia fazer uma sessão de fotos, para um trabalho que, basicamente, era um projeto que buscava pessoas que não entravam tanto no ‘padrão tradicional da personalidade campineira’.
...continue lendo

A minha cidade 21set

A minha cidade

“Meu nome é Míria Souza dos Santos, tenho 33 anos, sou natural de Presidente Prudente. Trabalho atualmente no Tênis Clube, minha trajetória aqui na cidade eu comecei trabalhando profissionalmente com 12 anos, na atual Fundação Mirim, e vim trabalhando desde cedo, a cidade sempre me proporcionou coisas boas. Já fui morar fora e realmente a
...continue lendo

O meu capão 17set

O meu capão

“Meu nome é Carlos Cesar Vicentin Vieira, tenho 18 anos, moro em São Paulo, Capão Redondo. Hoje ‘tô’ trampando de motoboy numa pizzaria, mas já trampei de muita coisa. Trampo aqui na quebrada mesmo, já conheço muita coisa aqui, tenho um filho pra sustentar, uma família… meu filho tem 2 meses, eu ‘tô’ felizão, ‘tô’
...continue lendo

Minha Bauru 15set

Minha Bauru

“Sou de 1952, meu nome é Paulo Flávio Lourenço Moura. Bauru foi muito boa, aqui era uma praça maravilhosa. Hoje não é como antigamente, agora só tem essa molecada mexendo com drogas, outro dia eu ‘tava’ passando aqui e veio 4 caras tentando me roubar. Eu me defendi, eu jogo capoeira e derrubei os 4
...continue lendo

Pichação na cidade 14set

Pichação na cidade

“Eu sou o Walter Vinicius de Mattos, tenho 27 anos, sou mais conhecido aqui como Vini Vira-Lata, referente a cultura eu sou envolvido aqui na Casa Hip-Hop. Eu dou oficina pra grafiteiros ou só pra quem quer começar e também faço parte de um projeto do PROAC que da oficinas na periferia. Eu já acho
...continue lendo

Guto Guia 13set

Guto Guia

“José Augusto Nunes, conhecido como “Guto Guia”, 49. Sou nascido e criado na cidade de Passa Quatro-MG há 40 anos. Atualmente sou guia de montanha e estou sempre levando as pessoas para conhecerem as áreas de caminhadas na Serra da Mantiqueira. Sou especialista nas trilhas e travessias e estou sempre auxiliando o Corpo de Bombeiros
...continue lendo

Ser estrangeiro 13set

Ser estrangeiro

“Sou o Pedro Manzanga, 21 anos e faço faculdade de psicologia. Sou de Angola. Fui muito bem acolhido pelo povo brasileiro. Tenho uma relação bem tranquila com o povo da cidade, eles admiram um pouco o estrangeiro, é uma cidade do interior então é bem tranquilo.”

Meus 91 13set

Meus 91

“Meu nome é João Francisco de Bau, 91 anos. Esse espaço é meu reino hoje. Pra mim isso é uma terapia, eu ‘tô’ com essa idade e eu não tenho outra coisa mais a fazer do que isso, e eu sem isso não posso viver. Eu moro sozinho e nesse sozinho você fica encabulando as
...continue lendo

Vida no chá 10set

Vida no chá

“Conhecer o chá eu conheci com cinco anos. Porque o meu pai trouxe uma muda, uma semente de chá não sei de onde! Ele semeou na areia e esse chá começou brotar! Então o meu pai me deu uma latinha e disse “Agora você vai ‘escoiê’ os broto e ‘colocá’ nessa latinha.” Isso eu lembro
...continue lendo

A luta 09set

A luta

“Meu nome completo é João Bosco Padula, tenho exatamente 59 anos, natural de Fonte Nova, Minas Gerais. Minha infância foi maravilhosa, assim, eu não tive complexo da doença que eu tive, né, graças ao esforço da minha mãe, do meu pai, da minha madrinha, que ajudaram bastante e a minha força de vontade pra superar
...continue lendo

Outro preconceito 08set

Outro preconceito

“Pessoas acham que nós que trabalhamos com carvão somos uns bicho, que é só trabalho escravo. É só mais um desses preconceitos que dominam a opinião pública. Digo mais um, porque tem tantos, não tem?”

Minha Sorocaba 03set

Minha Sorocaba

“Sorocaba passou de uma cidade assim bem provincial pra uma cidade bem moderna a partir de 1970. hoje Sorocaba tem um dos polos industriais mais importantes do Brasil. Quando cheguei aqui em 1955 não era assim. A sorocabana foi importante nesse processo. Foi pioneira como empresa de transporte que movimentou todo esse ramal de São
...continue lendo

Filho de Paraisópolis 28ago

Filho de Paraisópolis

“Meu nome é Gilson Clemente da Silva, interessante falar que meu pai, que é Lourival Clemente da Silva, conhecido como Louro, foi um dos fundadores aqui de Paraisópolis. Sou o caçula de 4 filhos, nós fomos todos nascidos e criados aqui, numa época que isso aqui era tudo uma grande fazenda, na verdade o Morumbi
...continue lendo

Cidade despreparada 25ago

Cidade despreparada

“Meu nome completo é Benedito Honorato dos Santos Filho, eu nasci em São Paulo, atualmente moro em Araçatuba. Ser cadeirante aqui é terrível, você vê a calçada e ao mesmo tempo que ‘tá’ retinha já tem uma rampa. Então é perigoso, ninguém respeita os cadeirantes, ninguém pensa em quem vai passar na rua, só pensam
...continue lendo

Hip hop digital 21ago

Hip hop digital

“Meu nome é Gabriel, tenho 20 anos, sou do Movimento Hip-Hop, faço rap, sou do grupo Dilema. ‘Tô’ no movimento desde 2009, comecei no freestyle e em 2011 eu formei o Dilema, a gente vende CD de mão em mão e assim já foram mais de 3 mil CDs vendidos. A gente trabalha também nessa
...continue lendo

Ocupação família 21ago

Ocupação família

“Sou Telma Aparecida de Proença, 31 anos, orgulhosamente mãe de 3 filhos. No momento estou sozinha porquê meu marido está detido e assim vem parar aqui no Soma desde o ano passado, cheguei em Novembro. Eu estava morando na área da linha do trem até que chegou um ofício pra gente sair de lá, então
...continue lendo

Minha Araçatuba 20ago

Minha Araçatuba

“Meu nome é Leonardo Matheus Balsalubre Barbosa Sales, tenho 21 anos, sou nascido aqui mesmo, eu sou estudante de jornalismo, ‘tô’ no último ano e sou uma pessoa que sou amante de Araçatuba. Agradeço a Deus por ter nascido aqui, é um sentimento de paixão pela cidade que eu moro, é uma coisa muito legal
...continue lendo

Trabalho normal 16ago

Trabalho normal

“Muita gente assusta, mas esse pra mim é um trabalho normal. Hoje é muito mais seguro do que no passado. Claro, fisicamente é desgastante, mas assim como muitos outros trabalhos. As pessoas acham que é um trabalho escravo, que estamos aqui por desespero. Mas não é nem um nem outro. É um trabalho digno, e
...continue lendo